Bem-Vindo

Medicina e Odontologia Avançadas e Estética

   
Unidade Sussumu Hirata
11 3742-8128 | 11 5505-7059 | 11 99302-1616
Unidade Morumbi Town Shopping
11 5063-4130 | 11 99346-3343

Notícias

Entenda como o sono influencia no emagrecimento e na longevidade saudável.

saude sono clinica moaSim, o sono contribui não apenas para o emagrecimento, como também para uma boa qualidade de vida. Um estudo publicado recentemente no American Journal Of Clinical Nutrition trouxe resultados interessantes: “Homens que perdem noites de sono ou que dormem muito pouco tendem a acumular mais gordura corporal em comparação às mulheres”.  

Um outro estudo conduzido pela Universidade da Pennsylvania selecionou 44 adultos e durante 5 noites com apenas 4 horas de sono por noite, descobriram que a ingestão de doces, gorduras, sobremesas e salgados foram maior  em comparação às mulheres.

O estudo concluiu que homens podem ser mais suscetíveis ao ganho de peso durante a perda de sono em comparação às mulheres.

Independente do objetivo, seja ele ganhar massa muscular ou emagrecer, é fundamental uma excelente noite de sono. Quando se trata de emagrecimento o assunto ainda é mais sério e não pense que só exercício e dieta bastam, o sono é o terceiro pilar e é extremamente importante. Portanto é essencial ter um sono de qualidade e com duração de 6 a 9 horas.

No sono produzimos vários hormônios essenciais para o bem estar, longevidade e anabolismo como o GH, por exemplo, fazemos também uma limpeza metabólica cerebral; a ausência dessa limpeza aumenta o risco de doenças neurodegenerativas, como o Alzheimer, pois aumenta o acúmulo dos beta-amiloides e outras toxinas.

Quem treina a noite tem um estimulo para a produção do cortisol (que deveria estar baixo nesse horário) e caso não haja uma adaptação que leve a sua redução progressiva, ocorre prejuízo na produção hormonal noturna - em especial de melatonina - levando a um sono de pior qualidade e consequente queda global da produção hormonal. Remédios para dormir (Rivotril, Valium, Lexotan, Lorax...) não induzem sono reparador com suas fases características, mas sedam por reprimir as atividades encefálicas.

Quais seriam as soluções?
- Praticar atividade física desde que não seja de noite;
- A última refeição ser o mínimo 4h antes de dormir;
- Evitar beber água de noite para garantir que você não irá acordar para ir ao banheiro;
- Praticar técnicas de relaxamento;
- Controlar do stress;
- Verificar níveis hormonais e parâmetros metabólicos através de exames de sangue e/ou saliva;
- Preparar um ambiente escuro e silencioso para um sono profundo e reparador.

 

Fale Conosco

Preencha seus dados abaixo e envie uma mensagem para nós

Enviar